Métodos contraceptivos: conheça os principais tipos

A contracepção é o conjunto de métodos e práticas utilizados para evitar a gravidez. Existem diversos tipos de métodos contraceptivos, cada um com suas vantagens e desvantagens.

Métodos contraceptivos de barreira

Atuam impedindo a fecundação, ou seja, a união do espermatozoide com o óvulo. Os principais métodos de barreira são:

  • Preservativo masculino: É o método contraceptivo mais conhecido. Ele é feito de látex ou poliuretano e é colocado no pênis ereto antes da relação sexual. O preservativo masculino é eficaz na prevenção da gravidez e também da transmissão de doenças sexualmente transmissíveis (DSTs).
  • Preservativo feminino: É uma bolsa de látex ou poliuretano que é inserida na vagina antes da relação sexual. O preservativo feminino é eficaz na prevenção da gravidez e também da transmissão de DSTs.
  • Diafragma: É um anel de silicone que é colocado no fundo da vagina antes da relação sexual. O diafragma é usado com um creme espermicida para aumentar sua eficácia.
  • Capuz cervical: É um pequeno capuz de silicone que é colocado no colo do útero antes da relação sexual. O capuz cervical é usado com um creme espermicida para aumentar sua eficácia.

Métodos contraceptivos hormonais

Atuam alterando os níveis de hormônios femininos no corpo. Os principais métodos contraceptivos hormonais são:

  • Pílula anticoncepcional: É um medicamento oral que deve ser tomado todos os dias. A pílula anticoncepcional é eficaz na prevenção da gravidez e também pode regular o ciclo menstrual.
  • Anel vaginal: É um anel de plástico flexível que é inserido na vagina. O anel vaginal libera hormônios que são absorvidos pelo corpo. O anel vaginal é eficaz na prevenção da gravidez e também pode regular o ciclo menstrual.
  • Injetável hormonal: É um medicamento que deve ser aplicado no músculo ou na pele a cada 3 ou 6 meses. O injetável hormonal é eficaz na prevenção da gravidez.
  • Implante contraceptivo: É um pequeno tubo flexível que é inserido sob a pele do braço. O implante contraceptivo libera hormônios que são absorvidos pelo corpo. É eficaz na prevenção da gravidez por até 3 anos.
  • DIU hormonal: É um dispositivo pequeno em forma de T que é inserido no útero. O DIU hormonal libera hormônios que são absorvidos pelo corpo. É eficaz na prevenção da gravidez por até 5 anos.

Métodos contraceptivos cirúrgicos

São permanentes e impedem a fecundação. Os principais métodos contraceptivos cirúrgicos são:

  • Laqueadura: Procedimento cirúrgico que corta ou bloqueia as trompas de Falópio, impedindo a passagem dos espermatozoides. A laqueadura é um método contraceptivo permanente.
  • Vasectomia: Procedimento cirúrgico que corta ou bloqueia os canais deferentes, impedindo a passagem dos espermatozoides. A vasectomia é um método contraceptivo permanente.

Qual método contraceptivo é o mais adequado?

O método contraceptivo mais adequado é aquele que atende às necessidades e preferências individuais. É importante consultar um profissional de saúde para escolher o método contraceptivo mais adequado.
A escolha do método contraceptivo deve considerar os seguintes fatores:

  • Eficácia: O método contraceptivo deve ser eficaz na prevenção da gravidez.
  • Efeitos colaterais: O método contraceptivo deve ter poucos efeitos colaterais.
  • Conveniência: O método contraceptivo deve ser conveniente de usar.
  • Custo: O método contraceptivo deve ser acessível.

Existem diversos tipos de métodos contraceptivos, cada um com suas vantagens e desvantagens. É importante consultar um profissional de saúde para escolher o método contraceptivo mais adequado.

Posts relacionados