IST: Infecções Sexualmente Transmissíveis

As IST, ou Infecções Sexualmente Transmissíveis, são doenças que podem ser transmitidas por meio de contato sexual com uma pessoa infectada. Essas doenças podem ser causadas por bactérias, vírus, fungos ou protozoários.

Tipos de IST:
Existem diversos tipos de IST, cada uma com suas características próprias. As mais comuns são:

  • Doenças bacterianas: Sífilis, gonorreia, clamídia e tricomoníase.
  • Doenças virais: HIV/AIDS, herpes genital, hepatite B e hepatite C.
  • Doenças fúngicas: Candidíase e condiloma acuminado.
  • Doenças por protozoários: Doença de Chagas e sífilis congênita.

Transmissão:
As IST podem ser transmitidas por meio de contato sexual vaginal, anal ou oral. Também podem ser transmitidas da mãe para o filho durante a gravidez, o parto ou a amamentação.

Prevenção:
A melhor forma de prevenir as IST é por meio do uso de preservativos em todas as relações sexuais. Também é importante evitar o contato sexual com pessoas que tenham alguma IST.

Sintomas:
Os sintomas das IST podem variar de acordo com o tipo de doença. Alguns sintomas comuns incluem:

  • Doenças bacterianas: Corrimento, dor ao urinar, dor durante o sexo e feridas na região genital.
  • Doenças virais: Feridas na região genital, corrimento, manchas na pele e alterações nas mucosas.
  • Doenças fúngicas: Corrimento, coceira e vermelhidão na região genital.
  • Doenças por protozoários: Dores abdominais, febre, fadiga e perda de peso.

Diagnóstico:
O diagnóstico de IST é feito por meio de exames laboratoriais. Os exames podem ser realizados em clínicas de saúde ou em hospitais.

Tratamento:
O tratamento das IST varia de acordo com o tipo de doença. Algumas IST podem ser curadas com antibióticos, antivirais ou antifúngicos. Outras IST, como a AIDS, não têm cura, mas podem ser controladas com medicamentos.

Complicações:
As IST podem causar diversas complicações, como infertilidade, câncer e doenças crônicas.

Precauções:

Além do uso de preservativos, existem outras medidas que podem ajudar a prevenir as IST, como:

  • Evitar o contato sexual com pessoas que tenham alguma IST.
  • Manter uma vida sexual saudável e responsável.
  • Fazer exames de rotina para detectar IST.

As IST são doenças graves que podem ter consequências devastadoras. Por isso, é importante estar ciente dos riscos e tomar medidas para se proteger.

Posts relacionados